A IBM adquire a Red Hat para competir com a Amazon e a Microsoft

A IBM faz sua jogada enquanto tenta lidar com a concorrência da Amazon, Microsoft e Google no negócio de infraestruturas de gerenciamento de dados. Foi visto nos últimos resultados. Assim, em vez de aumentar a receita de forma orgânica, a tecnologia agora opta por fazer isso através de aquisições com a compra da Red Hat, que desenvolve programas de código aberto para empresas baseadas em Linux.

As duas empresas colaboraram há duas décadas para desenvolver e distribuir programas baseados no sistema operacional Linux. Red Hat vai se tornar uma subsidiária. A operação é anunciada quando não tem sido duas semanas desde que a IBM relatou uma queda de 2% em receitas trimestrais até 18.760.000.000. O volume de negócios na divisão de serviços tecnológicos e nas plataformas de gestão de dados fê-lo ao mesmo ritmo, até 7.200.000.000 euros.