xtb

A inflação na Rússia atinge o pico de seis anos antes da reunião do banco central

A inflação anual da Rússia acelerou para um pico de quase seis anos de 8,38% no final de novembro, semanas antes de uma reunião do banco central, onde se espera que aumente as taxas para conter o aumento teimoso dos preços ao consumidor, mostraram dados do Ministério da Economia na quarta-feira.

A inflação acelerou para 0,46% na semana até 29 de novembro, a maior desde o início de julho, de 0,20% na semana anterior, mostraram dados da Rosstat, pressionando o Banco da Rússia a optar por um aumento mais acentuado no custo dos empréstimos .

O aumento semanal nos preços ao consumidor foi impulsionado pelo aumento dos preços dos alimentos, bem como por um forte aumento nos preços das viagens de ano novo para a Turquia, de acordo com Rosstat

Infelizmente, a alta da inflação é um fenômeno global causado pela pandemia.
A inflação alta reduz o consumo, aumenta a pobreza e o desemprego e, como consequência, pode gerar recessão econômica.
Para países cuja recessão já é uma realidade há algum tempo, como é o caso do Brasil, a inflação alta trem efeitos catastróficos.