Xiaomi decepciona em sua estreia na bolsa de valores

O desempenho das ações da empresa chinesa Xiaomi decepcionaram em sua estreia na bolsa de valores, suas ações ficaram muito abaixo do esperado, ao final do pregão ela foi avaliada em somente US$ 53,3 bilhões o esperado era algo em torno de 100 bilhões. O CEO da Xiaomi, Lei Jun, explicou que isso é culpa da disputa comercial entre Estados Unidos e China isso causa de fato muito desconforto nos investidores, mas embora o cenário não seja o ideal ele sempre pode melhorar. A Xiaomi também trabalha em um plano expansionista internacional, recentemente, ela se tornou a principal marca de smartphones na Índia. Porém a expansão para os EUA esta difícil por conta de certas barreiras comerciais, porém a empresa deverá levar seus produtos para a terra do tio san ate 2019.