xtb

Chefe do Banco Central do Brasil vê inflação em 2022 se afastando da meta, PIB deve ser revisado para baixo

O presidente do banco central brasileiro, Roberto Campos Neto, disse na sexta-feira que as expectativas de inflação para 2022 estão subindo e se afastando “um pouco” da meta do banco, observando que o banco tem tentado controlá-la aumentando as taxas de juros.

Campos Neto disse ainda que é provável que o banco central brasileiro revise para baixo a projeção para o crescimento do PIB do país no próximo ano, que está em 2,1%, mas não deu detalhes sobre a nova projeção.

Ele acrescentou que o banco discutiu um projeto de lei sobre como regular as criptomoedas como um ativo de investimento, visto que as compras brasileiras de bitcoins começaram a afetar os dados de importação.

“Eles já começaram a afetar as contas nacionais, o que significa que se tornaram um instrumento importante”, disse ele, acrescentando que queria obter mais clareza sobre o plano do governo para as criptomoedas.