xtb

Xiaomi abrirá fábrica de automóveis em Pequim com produção anual de 300.000 veículos - Governo de Pequim

A gigante chinesa de smartphones Xiaomi (OTC: XIACF) Corp vai construir uma fábrica que pode produzir 300 mil veículos por ano em Pequim para sua unidade de veículos elétricos, disseram autoridades na capital no sábado.

A fábrica será construída em duas fases e a Xiaomi também construirá a sede de sua unidade automotiva, escritórios de vendas e pesquisa na Zona de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico de Pequim, disse a agência governamental de desenvolvimento econômico Beijing E-Town em sua conta oficial no WeChat.

A Beijing E-Town disse que antecipou que a fábrica atingirá a produção em massa em 2024, uma meta anunciada pelo presidente-executivo da Xiaomi, Lei Jun, em outubro.

Em março, a Xiaomi disse que se comprometeria a investir US $ 10 bilhões em uma nova divisão de carros elétricos ao longo de 10 anos. A empresa concluiu o registro comercial de sua unidade EV no final de agosto.

A empresa tem aberto milhares de lojas para impulsionar o crescimento das vendas domésticas de seu negócio de smartphones, mas pretende usar essas lojas como um canal para seus planos de venda de veículos elétricos.

na China as empresas são muito influenciadas pelo partido comunista o Estado se envolve tao ferozmente na economia que afeta as decisões tomadas pela industria.

Acredito que os veículos elétricos são uma tendência para um futuro muito próximo. Afinal, eles são uma alternativa muito interessante para o combate ao aquecimento global. Então, o que a Xiaomi está fazendo é entrar de vez na disputa por esse mercado e a escolha por montar essa fábrica na China é estratégica, já que se trata de um mercado consumidor muito amplo e da segunda maior economia do mundo, caminhando para se tornar a primeira.